Blog

Entenda o organograma de uma empresa

Entenda o organograma de uma empresa

Compartilhe:

O QUE É O ORGANOGRAMA?

O organograma empresarial é um diagrama que mostra a estrutura de uma organização e as relações e classificações relativas as suas partes e posições ou empregos.

O organograma mostra graficamente a relação de um funcionário com outros em uma empresa. Também é usado para mostrar a relação de um departamento ou função exercida em uma organização com outra.

 

OBJETIVO DO ORGANOGRAMA

Essa representação é muito valiosa na medida em que permite visualizar uma organização completa, por meio de uma imagem, tornando possível a ilustração da relação entre as pessoas dentro dela. Tais relações podem incluir gerentes, diretores, diretor executivo de vários departamentos e assim por diante.

organograma empresarial

VANTAGENS

Ao elaborar um organograma, facilita-se a gestão da empresa. É possível definir os níveis hierárquicos dos colaboradores, organizando quem deve responder à quem na organização e a estrutura de seus setores, facilitando a comunicação e esclarecendo prováveis dúvidas dos empregados.

Ou seja, o organograma é um grande organizador interno dentro da empresa. A melhor visualização dos cargos ocupados por cada um, possibilita que se saiba a quem o colaborador está ligado hierarquicamente, facilitando todos os processos internos da organização.

 

DESVANTAGENS

O organograma pode trazer desvantagens se feito de qualquer maneira. A delimitação da função dos empregados é importante, mas pode engessar os colaboradores, impedindo a mobilidade e gerando restrições. Para que isso não aconteça, é preciso estudar bem todos os tipos de organogramas existentes e escolher qual o melhor para sua empresa.

 

como montar um organograma de uma empresa

Independente do tipo de organograma escolhido, alguns passos são padrão. Todo organograma é montado com retângulos, cada um dele representando e sendo composto pelos cargos da empresa. Um organograma não deve representar pessoas e seus nomes. Se houver 10 pessoas que exercem a mesma função na empresa, por exemplo, apenas uma caixa representará esse cargo.

O organograma é composto por linhas de comunicação, unidades e hierarquia. As linhas de comunicação são linhas contínuas que interligam cargos ou áreas da empresa. Indicam que existe uma hierarquia direta entre esses setores. As unidades de trabalho e/ou cargos são as caixas, identificando o cargo. A hierarquia, em geral, funciona de cima para baixo, da esquerda para a direita ou de dentro para fora.

Cada linha do organograma de empresa representa um nível de autoridade na organização. Para desenvolvimento do organograma, é preciso seguir 3 passos:

 

1º passo

Separar as funções exercidas por cada um dos funcionários.

 

2º passo

Identificar quem está no comando de cada setor e quem lidera o nível estratégico.

 

3º passo

Oficializar o documento com o setor administrativo e todos os colaboradores.

 

OS TIPOS DE ORGANOGRAMAS MAIS COMUNS

organograma empresarial

 

Organograma vertical

É o organograma clássico e é um dos mais utilizados. Representa claramente a estrutura hierárquica das empresas.

 

Organograma horizontal

É semelhante ao organograma vertical, porém os cargos são distribuídos lado a lado. Tem como objetivo reduzir a hierarquia e mostrar que todos tem a mesma importância dentro da empresa.

 

Organograma circular

Utilizado para mostrar o sistema em grandes empresas. No centro, identifica-se a autoridade máxima e a partir dela os outros cargos, de dentro para fora.

 

Organograma radial

Semelhante ao organograma circular, contudo a hierarquia não é o mais importante. O objetivo é ressaltar a importância do trabalho em grupo para funcionamento da empresa.

 

O organograma é o instrumento ideal para organização interna da empresa. Primordial para que os funcionários, fornecedores, clientes e parceiros conheçam e entendam como funciona o negócio.

 

Até a próxima!

Deixe seu comentário

Assine nossos materiais

Cadastrado com sucesso!